Descrição do projeto

A geração de tráfego inferida pela concentração de grandes equipamentos comerciais e os congestionamentos de trânsito daí decorrentes, impuseram a reformulação de toda a rede viária a eles envolvente, como condição necessária para a instalação do IKEA naquela zona.

Zona de fortes restrições de uso e ocupação do solo, houve necessidade de se intervir em cerca de 1850 m da EN 117 (IEP), alterando o seu perfil transversal de 2×2 vias para 2×3 vias e em mais 3600 m na rede viária dos concelhos de Amadora e Oeiras, beneficiando e alargando alguns dos arruamentos existentes.

Downloads
Ficha do Projecto – Zona comercial de Alfragide [PDF]